Romance brasileiro

Nunca vou me apaixonar – Mari Monni

Resenha

Dante é um homem livre, leve e solto. Segue com a vida da melhor maneira possível, dono de um bar, um não, três (Inferno, Purgatório e Paraíso, que ainda está em construção), possui uma família unida e amigos fieis (Lucca e Gael). Mas nem sempre foi assim, ainda novo, Dante passou por uma desilusão amorosa com a ex-namorada e a partir daí jurou nunca mais se apaixonar, levando os dois amigos por esse caminho também, ele só não contava encontrar uma fadinha linda no seu caminho. Clara (fadinha) é uma mulher linda, jovem, engraçada, íntegra, fiel e tudo que faria Dante querer quebrar o juramento, ele só não contava com um pequeno detalhe. A vida dele é uma divina comédia mesmo.

Opinião:

Nunca havia lido algo da Mari Monni e me apaixonei de cara com esse livro. A leitura é leve e engraçada, dei muitas gargalhadas com a Clara e Dante, os dois fazem um par incrível. Quem diria que a fadinda seria uma mulher decidida fora e dentro e do quarto, as cenas entre os dois são quentes e enquanto não acabei o livro, não fiquei satisfeita, eu queria muito mais desses dois de tão apaixonantes que são.

P.S.: Esse livro possui o conto Noite de núpcias. Não é necessário lê-lo, mas é altamente recomendado para aqueles que quiserem um pouco mais desses dois. ❤

Contém cenas de sexo [+18]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s