Literatura estrangeira · Romance

O Silencioso Canto da Sereia – Katy Regnery

O Silencioso canto da Sereia, faz parte da série de Conto de Fadas Moderno, onde a  editora Bezz ainda está para lançar o próximo.


 

A filha do pescador, o filho do governador da Carolina do Norte e um mundo de diferenças.

 

DSCN27472.jpg

 

A Ilha de Outer Banks, com menos de mil habitantes, é uma ilha pacata e bem tradicional, mas de um jeito ruim, onde é comum crescer e ainda jovem casar com algum morador da ilha que é pescador, ter filhos e… Acabou. Se casar com alguém de fora da ilha (forasteiro) é mal visto e pouco aceito, não pode haver nenhum boato sobre beijos sem estar comprometida, senão é obrigada a se casar. Namorar alguém sem ser da mesma ilha? Nem pensar, é exilado na hora.

Laire perdeu a mãe para o câncer ainda nova, ela, suas duas irmãs mais velhas e o pai. Falar da mãe é um assunto delicado, por isso quase não se fala sobre a mãe, o pouco que Laire sabe é que sua mãe foi a única corajosa o suficiente para começar uma faculdade e que sabia costurar muito bem. E é de onde Laire herdou essa curiosidade e habilidade para costurar e desenhar tecidos e roupas, para os casamentos de suas irmãs e os moradores da ilha.

Por todos os fatos acima ela não quer um fim como de suas irmãs, ela deseja cursar a faculdade de moda, conhecer outros lugares e pessoas e ter a liberdade que uma ilha parada no tempo não pode oferecer. E numa das pescarias do pai, Laire se ofereceu para entregar os caranguejos à uma festa numa das mansões de outra ilha por perto e é nesse momento que conhecemos Erik, um dos habitantes de veraneio da mansão onde está acontecendo a festa.

Mal sabem os dois que esse verão vai definir e mudar todo o curso de suas vidas.

Opinião:

O livro conta muito mais a história de Laire, mesmo que mostre a perspectiva dos dois, que por ter sido criada numa ilha que não avançou com o tempo, é uma menina de 18 anos perdida em todos os quesitos e se apaixonar, se entregar e questionar os valores que seu pai mantém, então quando Erik aparece com muito mais experiência ainda que as 21 anos, Laire fica deslumbrada (eu também ficaria).

E ainda que Erik esteja realmente apaixonado e amando Laire, há um acontecimento que os fazem ficar afastados por três meses e é nesse meio tempo que a vida de Laire vai mudar muito mais que a de Erik e ainda que ela tenha ido procurar por ele, a mãe de Erik, Úrsula, acaba fazendo-os ficar afastados por anos.

A história se desenrola bem rápida e quando vi, já estava no final (queria que fosse um livro mais longo, com mais páginas, mas não posso ter tudo), é bem envolvente e dramático o reencontro dos dois.

Gostei muito da Laire, ela se mostrou forte e madura mesmo sem ter exemplos disso na vida e gostei do Erik também, pois em nenhum momento ele duvidou dos sentimentos por Laire, os assumia muito bem e vai fazer de tudo para tê-la novamente em sua vida.

A única coisa que não entendi foi o título e foi a sinopse que me fez querer ler.

Portanto, se você está procurando um final feliz, mas com intenso drama até chegar lá, recomendo esse livro. 

3,5 ❤

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s